Anterior

ANTERIOR

Ex-funcionária conta que bebês sobreviventes ao aborto eram jogados ainda vivos no lixo

12/02/2020

Próximo

PRÓXIMA

Atleta cristão homenageia jovens com necessidades especiais em noite de gala

12/02/2020

Universo Cristão

Músico de black metal admite ter queimado três igrejas nos EUA

Os incêndios nos templos aconteceram dentro de um período de 10 dias na região de Opelousas, em março do ano passado

Fonte: Isto É | 12/02/2020 - 11:45
Músico de black metal admite ter queimado três igrejas nos EUA

O jovem Holden Matthews, de 22 anos, admitiu ter colocado fogo em três igrejas afro-americanas em Louisiana, nos Estados Unidos. De acordo com a promotoria do caso, o jovem queria “melhorar seu perfil” como músico de “black metal”. As informações são do jornal The New York Times.

Os incêndios nos templos aconteceram dentro de um período de 10 dias na região de Opelousas, em março do ano passado. Matthews pode ser condenado a uma pena de 10 a 70 anos de prisão. O julgamento dele está marcado para o dia 22 de maio.

Para os investigadores, o músico, que é filho de um xerife da região, incendiou as igrejas “pelo caráter religioso dos prédios”. Não houve vítimas nos incêndios, mas as igrejas ficaram destruídas.

Na audiência de segunda-feira (10), o jovem se declarou culpado de quatro acusações criminais federais, incluindo três de danos intencionais a propriedade religiosa. Ele também se declarou culpado de seis acusações em nível estadual, três delas de crimes de ódio.

Matthews era membro de uma banda de black metal chamada Vodka Vultures. Ele admitiu ainda ter postado fotos e vídeos das igrejas incendiadas no Facebook “em um esforço para se promover na comunidade de black metal”. A prisão dele ocorreu em abril de 2019, mais de duas semanas após o primeiro incêndio.