Anterior

ANTERIOR

Cristãos isolados necessitam de apoio na Península Arábica

15/05/2019

Próximo

PRÓXIMA

Casamento como uma fuga bem-vinda para a mulher cristã marroquina

15/05/2019

Universo Cristão

Cristãos prisioneiros no Irã esperam por palavras de incentivo

Envie um cartão de encorajamento para quatro cristãos do Irã que foram condenados por servir a Cristo

Fonte: Portas Abertas | 15/05/2019 - 10:40
Cristãos prisioneiros no Irã esperam por palavras de incentivo

Os casos de prisões de cristãos no Irã não são poucos e são conhecidos. Um número ainda maior que o comum de cristãos foi preso desde o segundo semestre de 2018 até agora. Em alguns casos, eles foram liberados em seguida, mas os suspeitos de serem líderes de grupos cristãos permaneceram detidos. Eles tiveram que escrever todo o seu histórico de atividades cristãs e receberam ordem de não ter mais nenhum contato com outros cristãos.

Segundo Kia Aalipour, da Article 18, uma organização que advoga em favor dos cristãos do Irã, “há mais casos do que publicamos, pois alguns precisam ser mantidos em segredo para garantir a segurança da pessoa envolvida”. Além da grande quantidade de prisões, outro fator observado é que as penas são mais altas. “O processo judiciário é mais longo e geralmente acontece com ameaças para coagi-los a deixar o país. Aqueles que recebem sentenças altas são cristãos que se recusam a ser intimidados e a fugir do país após suas primeiras detenções. No entanto, há sinais de que agora penas de prisão de cinco anos ou mais também são comuns para pessoas presas pela primeira vez”, diz Kia.

Kia explica ainda porque o governo está aumentando a pressão sobre os cristãos: “O número de cristãos convertidos aumentou, e isso tem alarmado as autoridades iranianas; portanto, eles começaram a impor mais restrições às igrejas, especialmente às frequentadas por cristãos ex-muçulmanos. O governo também continua com sua política de empobrecer os cristãos, pedindo fianças exageradamente altas”.

A Portas Abertas apoia os cristãos iranianos que estão presos por causa da fé em Jesus. Também organiza aconselhamento pós-trauma para ex-prisioneiros que agora, permanente ou temporariamente, vivem na Turquia. Ore pelos nossos irmãos que foram presos injustamente, na maioria das vezes por seu envolvimento em evangelismo de muçulmanos ou por discipular cristãos ex-muçulmanos. Clame para que eles sejam sustentados pela força do Senhor mesmo na prisão, que tenham sabedoria, e que o Senhor cumpra seus propósitos na situação que enfrentam.

Envie um cartão
Outra forma de apoiá-los é através de cartões, que podem ser enviados até 18 de outubro para o endereço da Portas Abertas. Você pode mandar um cartão com palavras de encorajamento para quatro cristãos presos no Irã. Seja a voz de Deus para eles. Acesse todos os detalhes de como escrever aqui.