Anterior

ANTERIOR

Filho de cristão é atacado em Bangladesh

18/06/2019

Universo Cristão

Redes criminosas continuam alvejando líderes de igrejas mexicanas

Em um mês, um total de dez lideres cristãos foram mortos, o dobro do número comparado ao ano anterior

Fonte: Portas Abertas | 08/01/2019 - 12:00
Redes criminosas continuam alvejando líderes de igrejas mexicanas

No México, um líder cristão foi sequestrado depois de uma reunião na igreja, no Estado do México. De acordo com a Revista Ecclesia, ele foi encontrado vivo dois dias depois. Em um incidente não relacionado, relatado pela organização Christian Solidarity Worldwide (CSW), um atirador desconhecido, vestido como entregador, também matou um policial que guardava a residência do Cardeal Rivera, na Cidade do México. A CSW relatou que 10 líderes de igrejas foram mortos em um mês, mais que o dobro do número de mortes relativo ao mesmo período no ano anterior.

Em Rosário, na Argentina, um atirador também disparou pela porta de uma igreja atendida por Don Juan Pablo Nunez, de acordo com a agência Fides. O ataque foi entendido como sendo um ato de intimidação, já que o líder trabalhava com jovens com problemas de drogas e aumentou a fala contra grupos criminosos na área.

Apesar de divulgado que o incidente na Argentina foi um caso isolado, pesquisas mostram que a violência de gangues contra igrejas na região também ocorrem onde o tráfico de drogas não é um problema tão sério. Na América Latina, grupos criminosos são com frequência fonte primária de perseguição contra cristãos. De acordo com artigo publicado pela agência Gaudium Press, grupos criminosos extorquem, sequestram, matam e difamam membros da igreja como formas de ameaçar a toda comunidade e enfraquecer a oposição a suas atividades ilegais.

Pedidos de oração

-    Ore em favor das famílias enlutadas, que o Espírito Santo os console nesse momento de perda.

-    Interceda pelos líderes cristãos, que o Senhor possa proteger suas vidas.

-    Peça pelos membros das igrejas que perderam seus líderes, que eles possam ter sua fé firmada em Cristo.