Anterior

ANTERIOR

Em dois meses, mais de 250 foram assassinados por extremistas na Nigéria

21/09/2018

Universo Cristão

Bombas explodem em três igrejas na Indonésia

Ataques, nesta manhã de domingo, deixaram pelo menos 10 mortos e mais de 40 feridos. Equipe da Portas Abertas se dirigiu ao local

Fonte: Portas Abertas | 14/05/2018 - 08:40
Bombas explodem em três igrejas na Indonésia

Não uma, mas três bombas explodiram em três igrejas em Surabaia, capital da província de Java Oriental, na Indonésia, nesta manhã de domingo, 13 de maio, no momento em que os templos estavam cheios de fiéis. Pelo menos 10 pessoas morreram nos ataques - incluindo cristãos, um terrorista suicida e policiais - e mais de 40 pessoas foram feridas.

Os ataques ocorreram na Igreja Católica de Santa Maria, na Igreja Cristã de Diponegoro e na Igreja Pentecostal Central. A CNN informou que as explosões aconteceram uma após a outra, entre 7h30 e 8h. Três outros explosivos foram encontrados mais tarde nas instalações de duas igrejas, mas foram desarmados com sucesso pelo Esquadrão antibomba.

Antes do incidente, a mídia local divulgou que uma mulher suspeita "usando uma jaqueta e carregando uma mochila" tentou forçar sua entrada na igreja protestante durante o momento da reunião. Apesar das tentativas do segurança para detê-la, ela entrou nas instalações da igreja e, minutos depois, uma bomba explodiu. A polícia ainda investiga quem pode estar por trás da ocorrido.

Poucas horas depois da tragédia, uma equipe da Portas Abertas foi para o local para fortalecer os sobreviventes e avaliar possíveis necessidades. “Um pastor (da igreja pentecostal bombardeada) aparentemente veio ao nosso seminário PFAT (Permanecendo Firme Através da Tempestade) há oito anos. Sua resposta à tragédia é realmente bíblica", disse um colaborador.

A Indonésia, que subiu para o 38º lugar na Lista Mundial da Perseguição em 2018, sobreviveu a uma série de ataques terroristas nas últimas duas décadas, incluindo os atentados de Bali em 2002, o impasse de reféns em janeiro de 2016 e um bombardeio em Igreja de Bornéu em novembro de 2016, ferindo gravemente três crianças e matando outra. Apenas alguns dias antes das explosões em Surabaia, cinco policiais foram assassinados por terroristas no centro de detenção da Brigada Móvel (Mako Brimob), em Jacarta. Entre os grupos terroristas mais letais e ativos no país estão o Jemaah Islamiyah (JI), o Jamaah Ansyarut Tauhid (JAT) e, recentemente, o Estado Islâmico. Nacionalidades estrangeiras, policiais e cristãos são tipicamente visados.

Pedidos de Oração:

- Ore pelas vítimas e suas famílias; por força e conforto, e pela recuperação daqueles que foram feridos.

- Ore pela intervenção e proteção do Senhor, que ele possa frustrar qualquer outro plano maligno.

- Ore pelos cristãos indonésios e líderes da igreja; que possam responder biblicamente a perseguição e permanecer como faróis de luz, esperança e perdão nesta trágica situação.