Anterior

ANTERIOR

Duas igrejas foram reabertas na Argélia

22/06/2018

Universo Cristão

Cristã congolesa encontra apoio e conforto através dos irmãos da igreja

Após se converter, Manda teve seu corpo queimado pelo marido

Fonte: Portas Abertas | 12/04/2018 - 17:00
Cristã congolesa encontra apoio e conforto através dos irmãos da igreja

Manda, 29 anos, é uma congolesa que foi cristã nominal durante toda a vida, até realmente ter um encontro pessoal com Jesus no começo de 2017. Ela é casada e tem quatro filhos. Três meses após ser batizada, seu marido, irritado por sua conversão, chegou em casa bêbado e ateou fogo nela e no filho que amamentava. Manda foi socorrida pelos vizinhos, mas o bebê não sobreviveu. Ela ficou internada por três meses com graves queimaduras pelo corpo e, durante esse período, foi rejeitada pela família.

Mas a cristã encontrou apoio e conforto através dos irmãos da igreja. Depois que recebeu alta, ela continuou sendo cuidada pela igreja local. Por causa dos ferimentos, ela ainda não pode trabalhar muito tempo no sol, então é difícil conseguir se sustentar. A Portas Abertas, através da igreja local, tem ajudado nas despesas com o tratamento médico. Manda conta com as orações da igreja brasileira.

Mas além de orar e apoiá-la financeiramente, queremos também levar apoio emocional. Por isso, incentivamos você a escrever cartões de encorajamento para essa cristã perseguida por sua fé, que precisa cuidar dos filhos. Que através do nosso amor em palavras, Manda saiba que muitos se importam com a dor dela e que não está sozinha nessa luta. Até 30 de maio de 2018, você tem a oportunidade de escrever cartões em inglês ou francês para Manda e seus filhos. Para saber mais detalhes sobre como enviar seu cartão, clique aqui.

Leia mais:

Mulher é queimada pelo marido, mas sobrevive