18/06/2012 - 14:28

Taxa de homicídio cresce 41,1% em 17 anos, diz IBGE

Alagoas é o Estado campeão de homicídios seguido do Espírito Santo. O melhor no ranking é Piauí



Taxa de homicídio cresce 41,1% em 17 anos, diz IBGE

As taxas de mortalidade por homicídio cresceram entre 2007 e 2009 e acumulam aumento de 41,1% desde 1992. As mortes por assassinato passaram de 19,2 por cem mil habitantes em 1992 para 27,1 por cem mil habitantes em 2009. A informação foi divulgada nesta segunda-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Dois anos antes, o índice era 26,7 por cem mil.

Alagoas continua a ser o campeão de homicídios, com 59,3 por cem mil, taxa ligeiramente menor que os 59,5 por cem mil de 2007. Entre os homens alagoanos, o índice chega a 114,2 por cem mil.

O Espírito Santo é o segundo em mortes por homicídios, com 56,9 por em mil, e registrou aumento preocupante: em 2007 eram 53,3 por cem mil. Santa Catarina deixou de ser o Estado com a menor taxa, com o aumento de 10,4 homicídios por cem mil habitantes para 13,4 por cem mil.

Piauí é o melhor no ranking, com 12,2 assassinatos por cem mil. São Paulo manteve taxa semelhante a 2007, com ligeiro aumento. Era 15,4 por cem mil em 2007 e passou para 15,8 por cem mil em 2009.

Fonte: Último Segundo

Versão para impressão Enviar por e-mail
DESTINATÁRIOS
SEUS DADOS