08/11/2011 - 12:00

Igrejas e pastores sofrem consequências da perseguição na Ásia

Congregações desalojadas e evangelho esmagado em diversas regiões asiáticas



Igrejas e pastores sofrem consequências da perseguição na Ásia

O pastor Baldev se reuniu com sua congregação para um culto de adoração numa casa alugada por ele. O proprietário do imóvel não é cristão, e começou uma oposição ao ministério do pastor Baldev. Ele disse ao pastor e aos discípulos que não deveria mais se encontrar ali e que o pastor deveria se mudar.

A congregação do pastor Surjeet passou por problemas parecidos. Sua congregação de 30 discípulos se reunia em um prédio alugado cada domingo. O proprietário do imóvel havia dito para a congregação não se reunirem mais ali, e Surjeet não consegue mais lugar para alugar.

Essas congregações pedem orações para que Deus possa mudar os corações dos proprietários daquela região para que eles possam adorar ao Senhor juntos. Também ore para que Deus providencie templos de igrejas para essas congregações.

Anticristãos na região do pastor Durjaya também estão atrapalhando seu ministério. Em adição a sua oposição voltada ao ministério pastoral, estes fanáticos hostis tentam parar o pastor Durjaya de compartilhar o amor de Cristo entre os moradores.

Embora muitos pastores com igrejas enfrentem perseguições, o respeito que a estrutura permanente na cultura do Sul da Ásia traz fazem a oposição anticristãos pensarem duas vezes antes de perseguirem um pastor com igrejas construídas. Pastores sem igrejas, como o pastor Durjaya talvez não enfrentassem tantas perseguições se tivesse uma igreja construída.

Não muito longe, o pastor Parmanand também enfrenta perseguição de um grupo de fundamentalistas fanáticos que dominam a região. Sempre que o pastor Parmanand sai para entregar literatura Cristã, membros desse grupo param ele e vasculham suas bolsas, quando acham panfletos e literaturas cristã, eles tomam dele e rasgam.

Eles proibiram Parmanand de se encontrar com pessoas e ameaçam todos que já ouviram as Boas Novas na intenção de impedi-los de se tornarem cristãos. Por causa dos problemas que o pastor Parmanand encontra quando ele sai, os moradores de outras vilas não querem que ele vá visitá-los.

Esses pastores pedem orações para que todos que são contra eles possam ser salvos e tenham o conhecimento sobre o Senhor Jesus Cristo. Eles também pedem para orar por meios de continuarem seus ministérios efetivamente, apesar da oposição.


Fonte: Portas Abertas com informações Persecution

Versão para impressão Enviar por e-mail
DESTINATÁRIOS
SEUS DADOS