Colunistas

Pr. Elienai Cabral

Pr. Elienai Cabral

Desafiando a relatividade e a gravidade

Seg, 30/09/2013 por Elienai Cabral

 

“Porque o Senhor mesmo descerá do céu com alarido e com voz de arcanjo, e com a trombeta de Deus; e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro; depois nós, os que ficamos vivos, seremos arrebatados com eles nas nuvens, a encontrar o Senhor nos ares, e assim estaremos sempre com o Senhor”, 1Ts 4.16-17.

Esse texto indica que haverá um encontro nas nuvens, ou acima delas, nos ares, entre as igrejas ressurreta e arrebatada e o Senhor Jesus. Esse encontro será o traslado mais extraordinário jamais acontecido no mundo, porque será o traslado de corpos espirituais transformados, tanto dos vivos quanto dos mortos em Cristo Jesus. Esse encontro transcende as leis da física, da gravidade e da relatividade.
 
Relatividade
 
Albert Einstein, cientista do século 20, descobriu a “lei da relatividade” para falar da “simultaneidade” entre dois acontecimentos ocorridos em lugares bem distantes um do outro. Imaginem que a Igreja de Cristo está espalhada sobre a toda a Terra. Mortos e vivos estão espalhados distinta e geograficamente nos cantos mais remotos da Terra.

O Arrebatamento dos vivos e a Ressurreição dos mortos em Cristo envolverão vários acontecimentos simultaneamente em todo o mundo. Em todo lugar do planeta, das ilhas esquecidas dos oceanos, das geleiras do Ártico e do Antártico, desde os corpos sepultados no fundo dos mares até os corpos queimados e soterrados pelos vulcões, todos os salvos, mortos e vivos, naquele dia ímpar simultaneamente, num abrir e fechar de olhos, subirão ao encontro do Senhor nos ares. Dois eventos simultâneos, ressurreição de mortos e arrebatamento de vivos, convergirão rumo ao céu.
 
Gravidade
 
O famoso cientista Isaac Newton descobriu que a Terra possui um campo magnético de atração muito forte, o qual atrai todo o objeto para baixo, para a Terra: é a gravidade. Existe no espaço uma barreira magnética que atrai todo objeto material para a Terra. Essa barreira magnética, que fica a 30 ou 40 mil quilômetros de distância da Terra, também impede qualquer transcendência, qualquer ultrapassagem além dessa barreira. Fantasticamente, o homem tem conseguido com certos riscos e limitações ultrapassar essa barreira com seus foguetes espaciais e até com seus astronautas. Porém, há um fato extraordinário acerca do arrebatamento da Igreja na volta de Cristo. Se trata de um fato que não depende dos engenhos humanos. O homem transformado, naquele dia, estará acima do poder de gravidade da Terra, e nada deterá a Igreja.

O melhor exemplo que temos na Bíblia é a ascensão de Jesus no Monte das Oliveiras, quando se despedia dos seus discípulos. Sua elevação suave e gloriosa aos olhos de mais de 500 pessoas, abrindo espaço no céu, foi uma demonstração do poder do campo espiritual sobre o campo físico. A mensagem angelical aos discípulos era a prova de que um dia “esse mesmo Jesus que subiu, há de vir, para buscar a sua Igreja”.
 
Exaltação
 
Nada desse mundo pôde deter a elevação gloriosa do Rei dos reis nos portais eternos. Sua vitória sobre a morte e o sepulcro deu-lhe uma exaltação merecida diante do Pai e dos anjos. Ele recebeu um nome que é acima de todo o nome e os céus se abriram para recebê-lo, como profeticamente foi declarado em Salmos 24.7-10: “Levantai, ó portas, as vossas cabeças; levantai-vos, ó portais eternos, para que entre o Rei da glória. Quem é o Rei da glória? O Senhor, forte e poderoso; o Senhor, poderoso nas batalhas. Levantai, ó portas, as vossas cabeças; levantai-vos, ó portais eternos, para que entre o rei da glória. Quem é esse Rei da glória? O Senhor dos Exércitos, Ele é o Rei da glória!”

À sua semelhança, a Igreja ultrapassará o campo gravitacional para o mais desejado e esperado encontro entre céus e Terra. Nenhum instrumento, nenhum meio de transporte, nenhum poder físico poderá deter a Igreja naquele dia! Ora, vem, Senhor Jesus!

6 comentários

obrigado senhor por ter m

Só ele e.digno de toda a honra e toda gloria 👏

Anderson

Uma pequena correção: o campo gravitacional não é um campo magnético.

Adelson Bezerra - Parambu

Para desespero dos saduceus hodiernos, este artigo deixa bem claro, o que acontecerá aos imprudentes, incautos e adeptos do ateísmo....

enderson

Jesus é perfeito e o perfeito nos ama.

edelson

Hó glória, hora vem senhor Jesus (Ap 22.20b).

Sanderson Ferreira

Glória a Deus! O encontro com o Senhor Jesus deve ser o nosso anseio. Muitos em meio aos garimpos da vida esperam encontrar o ouro que vai mudar a sua condição financeira, porém, aquele que tem o Senhor Jesus como Único e Suficiente Salvador de sua vida já encontrou o tesouro mais precioso. Jesus é o único que pode garantir a nossa entrada nos céus, por isso, sigamos os seus passos. Deus continue lhe abençoando! Pr. Elienai Cabral.

Deixe seu comentário







Perfil

Elienai Cabral Pastor Elienai Cabral é conferencista, teólogo, membro da Casa de Letras Emílio Conde, comentarista de Lições Bíblicas da CPAD, membro do Conselho Administrativo da CPAD e autor dos livros “Comentário Bíblico de Efésios”, “Mordomia Cristã”, “A Defesa do Apostolado de Paulo – Estudo na Segunda Carta aos Coríntios”, “Comentário Bíblico de Romanos”, “A Síndrome do Canto do Galo”, “Josué – Um líder que fez diferença”, “Parábolas de Jesus” e “O Pregador Eficaz”, todos títulos da CPAD.

COLUNISTAS