Colunistas

Ciro Sanches Zibordi

Ciro Sanches Zibordi

Sim, o MDA é irmão mais novo do G-12

Ter, 26/07/2016 por Ciro Sanches Zibordi

Alguns assembleianos (assembleianos?) ficaram irritados comigo, recentemente, quando afirmei, ao responder a uma pergunta, que o MDA (Modelo de Discipulado Apostólico) é muito parecido com o G-12 e o M-12 (MIR). Mas não há nenhum exagero nessa afirmação! Se eu disser, por exemplo, que doberman, pitbull e pastor alemão são nomes de raças caninas diferentes, estarei mentindo? E, se eu afirmar que Ford, Fiat e VolksWagen são marcas de carros que possuem motor, quatro rodas, bancos etc., estarei faltando com a verdade?

O mesmo se aplica a G-12 (criado pelo colombiano Cesar Castellanos, em 1983), M-12 (iniciado por Renê Terra Nova em 2005, quando este se desligou oficialmente da “cobertura” de Castellanos, mas deu continuidade ao seu modelo) e MDA, criado por Abe Huber, em 1999, quando, supostamente, “Deus lhe revelou de uma forma sobrenatural como funcionaria esse modelo”. Esses três modelos, na prática, têm a mesma essência e priorizam o crescimento numérico, apresentando às pessoas uma mensagem pragmática e utilitarista. Pregam o que as pessoas querem ouvir, e não o que elas precisam ouvir. E empregam o mesmo “pacote herético”.

Aliás, o próprio líder do MDA — modelo que é o irmão mais novo do G-12 — declarou: “Estudando os diferentes modelos de igreja em células, observando-os de perto e gastando tempo com os líderes envolvidos em sua prática, encontramos vários bons modelos, como o [...] ‘Modelo do Governo dos 12’, do pastor Cesar Castellanos, da Colômbia. Todos eles são bons e funcionáveis nos contextos em que são aplicados, para aqueles que seguem seus princípios. Contudo, acreditávamos que Deus tinha algo específico para nós, com as nossas cores e nossa cara, capaz de florescer nos mais diferentes ambientes em que houvesse receptividade para o seu desabrochar. Queríamos algo adaptável, prático, descomplicado” (HUBER, Abe. A importância da igreja local na visão do MDA, publicado por Josué Vasconcelos no site Scribd [este artigo também está disponível em vários outros sites]).

Note: a despeito de o G-12 não ter a “cara do Brasil”, ele foi elogiado e chamado de bom modelo pelo líder do MDA. Nenhuma referência crítica foi feita ao “pacote herético” do gedozismo. Por quê? Porque no MDA também existem os famosos “pré-encontros”, “encontros” e “pós-encontros”, a “escada do sucesso”, formada pelos degraus ganhar, consolidar, edificar, treinar e enviar etc. Nos três modelos, ainda, são empregados “decretos” para obtenção de salvação, prosperidade etc. Exemplos: “Eu decreto que o Paraná é do Senhor Jesus”, “Eu decreto a sua prosperidade”, “Vai decretando a salvação da sua família”.

Portanto, prezado leitor, qualquer semelhança não é mera coincidência! E o que precisamos, mesmo, para que haja um reavivamento, é priorizar a Palavra de Deus. Os crentes devem ser incentivados a frequentar a Escola Bíblica Dominical e a participar dos cultos de ensino das Escrituras. As grandes igrejas devem promover escolas bíblicas anuais, incentivando o povo do Senhor a ter a Bíblia como a sua regra de fé, de prática e de viver. Chega de show! Sabemos que a música é importante; até Jesus cantou um hino! Não nos esqueçamos, porém, de que dois terços do seu ministério foi dedicado ao ensino da Palavra! Que Deus nos guarde, a fim de que permaneçamos no verdadeiro Evangelho (1 Co 15.1,2) e não nos apartemos da “simplicidade que há em Cristo” (2 Co 11.3).

Ciro Sanches Zibordi

77 comentários

Bispo Luis Carlos Chagas

Graça e Paz! amado Pastor Ciro! sou Pastor da Igreja Evangélica Fruto da Fé em Salvador -ba Concordo plenamente com sua reflexão sobre o assunto, a Igreja brasileira está entrando em muitos modismos com ênfase psicológica e mistica.

Farley

Faço parte de uma igreja que segue a visão MDA, as vezes acho que colocam a visão acima de Deus. As mensagens são voltadas para as praticas do MDA, tudo gira em torno do MDA. Será se os crentes de antigamente estavam errados? Somente nossa geração conhece a vontade de Deus?

REINALDO

bom dia hj 2 11 16 sou membro deste modelo a 4 anos , e o pastor que publicou o artigo esta certissimo, a opus dei deu inicio a este movimento por um padre catolico , finalizando no mda . bom este modelo tem algo que particularmente nao me agrada , quando praticamente vc nao sai da igreja , é reuniao atras da reuniao e vida social zero .bom nao quero me estender . mas graças a Deus estou saindo deste mda . e estou orando a Deus pois vou voltar para a batista da cbb ..tem uns videos no youtube

André Paiva

Pr. Ciro, a Paz do Senhor. Em 1946 houve um avivamento de igrejas tradicionais c/ os Batistas, Presbiterianos e Metodistas. Sob influência do Espírito Santo, líderes c/ Pr. Enéas Tognini, "incendiaram" estas denominações c/ mensagens de arrependimento, oração, santidade, batismo no Espírito Santo, dons espirituais. A partir daí, surgiram as Igrejas Renovadas, com características pentecostais. C/ batista, eu repudio inovações c/ MDA e células, estas que nos apartam "da simplicidade do Evangelho".

Joás Santos Francisco

A Paz do Senhor a todos !!! Sou assembleiano, e vejo muitos modismos hoje em dia dentro da própria Assembléia na hora de se falar linguas estranhas, para muitos pastores se uma não faz um barulhão dentro da igreja essa pessoa não é pentecostal, dizendo assim que devemos falar em linguas do evangelho de Matheus e de Marcos, mas muitas vezes esquecemos de Atos 2, ninguém mais se preocupa mais em receber poder para pregar o evangelho em conquista das almas.

Julio Leal

Graça e paz irmão Ciro, sou Batista e Seminarista e faço das suas palavras as minhas, fui de uma igreja onde o pastor começou a implantar o MDA e fui questionar sobre o tal modelo, naquele momento me tornei o inimigo número 1 do pastor, fui chamado até de enviado de Satanás, porém, meu irmão o que me acalentou o meu coração foi ler nas escrituras que até Jesus foi chamado de endemoninhado, não desanime e continue falando a verdade, que é o que estou fazendo. Que Deus continue te abençoando.

Antonio Donizeti Romualdo

Infelizmente esses movimentos "revelados por deus" produzem falsas conversoes, trazendo apenas superficialismo espiritual e subjetivismo. Sao as Amway's espirituais.

Antonio Donizeti Romualdo

Infelizmente esses movimentos "revelados por deus" produzem falsas conversoes, trazendo apenas superficialismo espiritual e subjetivismo. Sao as Amway's espirituais.

Ciro Sanches Zibordi

Caro Ricardo José de Souza, falo com conhecimento de causa. Se quiser saber mais sobre a minha pesquisa sobre o OUTRO EVANGELHO pregado por G-12, M-12, MDA e modelos pragmáticos e utilitaristas similares, leia meu livro EVANGELHOS QUE PAULO JAMAIS PREGARIA (CPAD, 2006) ou a série de DEZ ARTIGOS que publiquei em meu blog pessoal: CIROZIBORDI.BLOGSPOT.COM. Que Deus o ilumine!

Ciro Sanches Zibordi

Caro Ivan Ricalte, meu dever é AVISAR, ALERTAR, à luz da Palavra de Deus. Mas o irmão não é obrigado a concordar comigo. Vou continuar dizendo que o MDA é um modelo pragmático e utilitarista, que NÃO HONRA AS ESCRITURAS.

Ciro Sanches Zibordi

Caro Matheus Scherner de Oliveira, minha preocupação é com o EVANGELHO! Mesma preocupação manifestada pelo apóstolo Paulo (1 Co 15.1,2; 2 Co 11.3,4; Gl 1.6-8 etc.). Não podemos priorizar números em detrimento da VERDADE. Medite em João 6.60-69 e Mateus 7.13-23. A paz do Senhor.

Ciro Sanches Zibordi

Caro irmão ROBSON ALVES DA CRUZ, a paz do Senhor. Na verdade, escrevi uma série de dez artigos em meu blog pessoal, o Blog do Ciro. Se o irmão desejar conhecer esse estudo, está disponível neste endereço: cirozibordi.blogspot.com. A paz do Senhor!

ROBSON ALVES DA CRUZ

Pastor, muito oportuno seu esclarecimento porém o espaço é muito pequeno para esclarecer o assunto. Sugiro que escreva com melhor detalhes em dois ou três artigos. Deus te abençoe.

Matheus Scherner de Oliveira

Olá, assim eu faço parte de uma igreja que usa a ferramenta MA, já participei do G12, e assim a grande diferença é o amor que exercido, no caráter do cuidado 1a1, mas a igreja ñ pode esquecer o Espírito Santo, e o avivamento ñ vem com barulho nem com ferramentas,vem com choro dentro do quarto em silêncio.Um Grande abraço Deus abençoe a todos Obs: Ferramentas que fazem o reino crescer ñ são maiores que o reino, mas vamos parar de se preocupar com a visão das outras Igrejas, vamos buscar a Deus.

Ivan Ricalte

E você falar que estamos excluindoa EBD? Meu amigo, priorizamos a palavra tanto quanto vcs.. existem cultos de ensino, conferências e etc.. acesse www.1ib.com.br e veja nossos vídeos, veja se falamos alguma heresia. Não fale do que não entende, por favor. Se acha que escrever alguns tópicos na internet e polemizar é a visão do reino de Deus, que o faça. Um dia apresentaremos nossos frutos diante de Jesus e vamos ver o que Ele realmente se importa. Aprenda a pregar o evangelho da paz e nãpolêmica

Ivan Ricalte

Caro Pr. Ciro, não fale daquilo que não entende, do que não vive. Não existe DECRETOS, o que se existe é declaração profetica. Queremos ganhar o Brasil para Jesus, e o Mda é para discipular pessoas, ajuda-las espiritualmente, emocionalmente e até financeiramente. Faço parte deste modelo e posso afirmar que é uma benção. Aliás acho melhor cuidar, apascentar ovelhas de perto com este modelo de discipulado do que simplesmente elaborar uma apostila de solta-la para estudo. PRATICA EM NOME DE JESUS!

Ricardo José de Souza

Muitas criticas e pouco (quase) conhecimento da causa. Fala-se e condena-se muito as estratégias e modelos humanos, mas a EBD, a revista da CPAD ou Betel por acaso são algo celestial. Não passam de uma estratégia humana para ganhar e discipular pessoas para Cristo. Se uma igreja não usa o termo EBF ou não utiliza uma revista para discipulado ou até mesmo uma sala no prédio da igreja para tal fim, não significa que esta igreja não valoriza o ensinamento da sã doutrina.

Ricardo José de Souza

Quanto ao encontro, quando as pessoas dizem que agora que conheceram a Deus, posso lhes garantir que muitos membros que "nasceram na Igreja" realmente nunca tiveram uma experiencia com Deus, são crentes apenas pela tradição familiar, ou se nasceram de novo, se esfriaram na fé e carecem de uma renovação espiritual. Este é o motivo de dizerem tais expressões, é o que acontece muito semelhantemente quando um irmão de uma igreja tradicional é batizado com o Espírito Santo em uma Igreja pentecostal.

Ricardo José de Souza

Igreja em célula ou estes outros modelos de discipulado é algo que foi iniciado na Assembléia de Deus em Seul - Coreia do Sul. Mas como as outras igrejas o adotaram como estratégia de crescimento, a Assembleia de Deus no Brasil (a maioria) simplesmente não o aceitou, criticando quem dele se utiliza, o que de fato é algo vergonhoso, pois como se pode criticar algo que nem sequer sabem o que é.

Ricardo José de Souza

Não somos uma igreja que prega o que as pessoas querem ouvir, pregamos a Bíblia como ela é, nossas mensagens são centradas em Cristo, no arrependimento, no batismo, no crescimento espiritual, etc.

Ricardo José de Souza

4 - Priorizamos o crescimento com qualidade, pois se na pregação de Pedro, quase 3.000 almas se converteram e foram batizadas, porque em nossas pregações muitos não podem se converter? E posso garantir que se formos falar em somente ganhar e não priorizar qualidade, há muitas igrejas que ganham muito mais que nós, porém não cuidam sequer de 10% daqueles que o Senhor tem lhes dados.

Ricardo José de Souza

3 - Um discipulador é uma pessoa mais madura que está na Igreja para ajudar os mais novos na fé. Somos uma igreja que priorizamos o relacionamento com Deus e com o irmão, somos um corpo, não somos membros isolados. Ter alguém pra ajudar os mais novos é algo que todas as igrejas deveriam ter e priorizar por isto. Deixar este discipulado somente para o pastor ou um lider especifico é sobrecarregar esta liderança e não fazê-la com eficacia.

rolim

Infelizmente o que esta faltando mesmo é mas jejum, oração e leitura da palavra pois hj em dia o homem tem trazido todos tipos de ferramentas com a desculpa de pregação do evangelho deste que essa ferramenta não use o jejum a oração e a leitura da palavra pois isso exige tempo pois as coisas não nascem da noite pra o dia e vivemos em um mundo de tudo pra ontem e isso esta destruido a maioria das igrejas um evangelho que fala de Jesus mas esta com Jesus pois com ele exige negar a sim mesmo.Shalom

Ricardo José de Souza

2 - pré-encontros”, “encontros” e “pós-encontros: um retiro espiritual de 3 dias, onde se é pregado arrependimento, transformação, cura, libertação e batismo com o Espirito Santos, esta muito longe de ser heresia. Não sei quanto a outras igrejas, mas não vejo nada em nosso meio sobre este "pacote de heresias". Sei que no início do movimento G-12 muito se falava sobre algumas aberrações, porém temos que analisar o presente e não o passado.

Ricardo José de Souza

Sou membro da Igreja Videira em Goiânia, igreja em célula, a qual não é modelo de G-12, M-12 ou MDA, simplesmente somos igreja em células. Sobre as informações fornecidas no texto e nos comentários, gostaria de fazer algumas ressalvas, pois é muita informação sem nenhuma fundamentação: 1 - Escola Dominical: embora não utilizamos o nome de EBD, priorizamos o estudo da Palavra de Deus, em nossos cultos, tanto no domingo de manha ou nos culto a noite, a prioridade é a Palavra.

Francisco Guedes

A paz do Senhor Pr, Ciro Sanches, queria saber sobre a igreja Vinha, Videira de Goias, se ela está nos mesmo padroes da MDA e G12. Grato

Ciro Sanches Zibordi

Além de tudo o que já foi dito aqui, amados irmãos, MDA é um grande inimigo da tradicional Escola Bíblica Dominical, que, comprovadamente, é a melhor escola bíblica devocional da Igreja desde o século XVIII. Embora alguns defensores da "visão" digam que não eliminam a EBD, esta vai perdendo a relevância, ficando de lado. O povo é envolvido em encontros e mais encontros, nos quais o assunto tratado é de ordem pragmática, em prol da "visão", e não em prol da sã doutrina em todos os seus aspectos.

Pb. Adelson Bezerra

A Paz do Senhor. Parabéns mais uma vez pastor Ciro, por este rico esclarecimento. Observei em vários comentários a opinião de alguns nobres irmãos(ãs), a preocupação em ganhar almas para Cristo. Sim, temos que ganhar as almas pra Jesus, contudo devemos também alertar as mesmas sobre muitos movimentos que, em seu bojo, trazem e são fundamentados em inovações extrabíblicas.

João Antônio de Souza Filho

Experimentei todos os modelos desde 1974. Grupo caseiro, igreja nas casas, células etc. Fui discipulado por Juan Carlos Ortiz, mas, depois que ele se mudou para os EE.UU. nos separamos. As AD cresceram nas casas, - o irmão derrubava as paredes, morava nos fundos e ali surgia uma AD – sem métodos, apenas por obra e graça do Espírito Santo. Assim, se estivermos conectados com o Espírito Santo, e se o deixarmo-nos guiar por ele, certamente experimentaremos crescimento.

Ciro Sanches Zibordi

Ruimar Fonseca, não estou confundindo métodos com princípios bíblicos! Amo a Escola Bíblica Dominical! Amo a Palavra de Deus! E os frutos do MDA são conhecidos: números, números e números. Muita gente! Multidões incautas batendo no peito e dizendo: "Agora eu conheço a verdade". Procure pesquisar um pouco sobre pragmatismo e utilitarismo hedonista. Em minhas obras Evangelhos que Paulo Jamais Pregaria e Procuram-se Pregadores como Paulo trado disso. Permaneçamos no que é Verdadeiro (1 Jo 5.20).

Luca do Carmo

Olá, meus irmão em Cristo. Quero louvar a Deus pela vida do Pastor e escritos, Ciro Sanches Zibordi, pela rica exposição bíblica e do artigo tendo em vista a edificação do corpo de Cristo. Meu irmão, Ozeas rocha como outros, foi infeliz em suas palavras, não somos fariseus meu amigo(1Pedro2.9).Fala de Julgamento e depois afirma que somos hipócritas.Não entendo esse povo, em uma mão está carregando a bíblia Sagrada na outra um cassetete. Cresce, desenvolve. Julgar - Ser juiz de si mesmo.

Maria Lemes

Pastor Ciro, acompanho sempre tuas postagens, teus livros e sou edificada mas tenho uma duvida sobre a visão da Igreja Videira do Pastor Aluizio A. Silva, ela se encaixa também neste contexto?? Muito obrigada e que Deus continue te abençoando e dando sabedoria !!

Ruimar Fonseca

Com todo respeito, o escritor está confundindo métodos com princípios Bíblicos. Não que seja adepto do MDA mas devemos respeitar todos aqueles que desejam ganhar almas e fazer discípulos. Pelos frutos sereis conhecidos. Conheço muitos pastores e igrejas avivadas adeptas do MDA. Os métodos mudam, o Evangelho permanece o mesmo. Se não são contra nós, são por nõs. Vamos continuar com os fundamentos da nossa denominação mas respeitando os que possuem visões diferentes mas lutam pelo mesmo Reino.

Pr. Mateus Santos de Sousa

Pr. Ciro a paz do Senhor Jesus, mais uma vez obrigado pelos seus ensinamentos comprometidos com a verdadeira sã doutrina.

Ciro Sanches Zibordi

Deimerson de Jesus, o irmão disse bem: o MDA oferece facilidades. Medite sobre Mateus 7.13,14 e João 6.60-69. Devemos pregar o Evangelho e fazer discípulos, em vez de oferecer facilidades a fim de juntar gente. A quantidade de pessoas deve decorrer da pregação da VERDADE. Caso contrário, abraçaremos o pragmatismo e até o maquiavelismo, visando a um fim (juntar muita gente), mas desviando-se do que ensina a Palavra do Senhor. Reflita sobre isso. A paz do Senhor.

Ciro Sanches Zibordi

Oseas Rocha, seu comentário se autodestrói. Primeiro, porque o irmão não usa uma linguagem e uma conduta condizente com a fé cristã, visto que xinga seus irmãos, aqui, de hipócritas. Segundo, porque o irmão ignora que o Senhor Jesus nos mandou JULGAR (Jo 7.24) e confunde o julgamento calunioso e difamatório de Mateus 7.1,2 como exercício do discernimento. Procure se inteirar melhor do assunto e obedeça ao Evangelho tal como está na Palavra de Deus (1 Co 15.1,2; 2 Co 11.3,4; Gl 1; 1 Tm 6 etc.).

Ciro Sanches Zibordi

Vânio Machado da Luz, o importante é pregar o Evangelho. "Disseste bem". Entretanto, estou convencido de que os modelos de crescimento numérico, com o MDA, não pregam o verdadeiro Evangelho, e sim um falso evangelho pragmático e utilitarista. Pense sobre isso. O Senhor Jesus disse que a PORTA É ESTREITA e o CAMINHO É ESTREITO (Mt 7.13,14). Juntar gente à base de entretenimento e teologia da prosperidade não é pregar o Evangelho. Estude o Novo Testamento e permita que o Espírito lhe oriente.

Ciro Sanches Zibordi

Irmão Ricardo, que frutos são esses? Juntar gente à base de pragmatismo e utilitarismo hedonista, entretendo multidões com shows e pregando o que as pessoas querem ouvir, e não o que precisam ouvir é agradar a Deus? Nosso supremo Paradigma é o Senhor Jesus, e nosso modelo de igreja está em Atos dos Apóstolos. Deixar a simplicidade do Evangelho para abraçar a "VISÃO" é desprezar a Palavra de Deus. Pense nisso. A paz do Senhor.

Ciro Sanches Zibordi

Caro pastor Gilson Fontes da Cruz, fazer discípulos é bíblico; faz parte da Grande Comissão (Mt 28.19,20). Entretanto, o problema dos modelos em apreço é que a "visão" se torna maior que o próprio Evangelho. Mantenhamo-nos na simplicidade que há em Cristo (2 Co 11.3). A paz do Senhor.

Ciro Sanches Zibordi

Damião Laurindo da Silva, lamento por seu desvio da Palavra de Deus, pois estou convencido de que o MDA é um modelo baseado no pragmatismo e no utilitarismo hedonista, e não no verdadeiro Evangelho! Lembre-se de Gálatas 1.8 e 2 Coríntios 11.3,4, amado irmão. Não fomos chamados para entreter pessoas, dando a elas o que desejam, e sim para pregar a Cristo crucificado (1 Co 1.22,23; 2.1-5). Finalmente, peço-lhe perdão por irritá-lo a ponto de induzi-lo a me xingar. Reflita!

Damião Laurindo da Silva

Pr Ciro, com todo respeito por sua carreira profissional, percebo que o senhor é um homem preconceituoso e intolerante. Não sei em que parte das escrituras o senhor aprendeu que amar almas e ter o coração de "bom pasto"r é heresia. fui por mais de vinte anos da Assembleia de Deus, por isso sei que esta denominação é um grande celeiro de ministros do Evangelho.mas equivocados e legalistas O G 12 caiu em desuso, o M 12 se corrompeu, mas, no geral todos são eficazes em ganhar almas para Deus.

Pastor Paulo César Sampaio

MDA (Mais Dos Abestados): trata-se de uma versão modernosa-alienante do G12 e M12 e que tais, voltada (de forma velada...) à classe média, a fim de - em grande medida - empanar a porca-miséria causada por seus predecessores! A desgraça das desgraças é que, colegas da Assembléia de Deus no Brasil tenham, de forma assumida ou velada, adotado (e defendido) essa heresia! Leitores devem estar a pensar quem eu sou: professor de Teologia há 30 anos em seminário e faculdade em Fortaleza (Heresiologia e

Pr. Gilson Fontes da Cruz

Bem, ate concordo com o autor de que todos estao no mesmo balaio ou seja muda se a coleira, contudo o cachorro e o mesmo! Todavia, nada impede de se manter os principios do discipulado de Jesus e na convivencia compartilhar em nossos relacionamentos, contudo sem modelos humanos, mas do Mestre Jesus e seus seguidores. Ele disse que deveriamos ensinar todas as cosais que nos deixou e fazer seguidores de Jesus e nao de homens com finalidades dominadoras e exploradoras. Fazer seguidores dEle!

ROBERTO SILVA

Parabéns Pr. Ciro Zibordi!. A defesa da nossa fé, deve ser constante, e Deus tem capacitado homens como o senhor para esta missão. Quando o G12 foi introduzido na IEADAM no ano 2000, causou um estrago irreparável a Igreja do Amazonas. Vale a pena persistir na divulgação de um comentário apologético tao rico como este, para que essa heresia, mesmo disfarçada, seja repudiada e banida definitivamente das portas das Assembleias de Deus!

Ricardo

A paz do Senhor Jesus para todos, Somos aproximadamente 50 milhões de evangélicos no Brasil e não fazemos a diferença nesse país. A visão do MDA olha número, e eu pergunto; estão dando frutos pra DEUS??? a assembléia de Deus, cristalizada numa visão, esta dando frutos pra DEUS??? os batistas "frios", estão dando frutos pra DEUS???. Julgamos a visão e não os frutos??? Quando uso um meio de comunicação para julgar a visão de um ministério, sem analisar o seu fruto, estou do lado de Deus?????

Vânio Machado da Luz

Pelo amor de Deus, o importante é o evangelho ser pregado, Se o pastor se dispuse-se a participar de um encontro, Poderia pensar diferente. Sou assembleia desde que me conheço Por cristão, e no entanto quando participei do encontro com DEUS, eu pode perceber se tratar de uma excelente ferramenta para Ganhar almas e ensinar o caminho que nos leva a salvação, Talvez se olharmos para nós e vermos quantas almas levamos A Cristo, poderíamos nos esforçar mais para ganhar mais almas.

Vânio Machado da Luz

Pelo amor de Deus, o importante é o evangelho ser pregado, Se o pastor se dispuse-se a participar de um encontro, Poderia pensar diferente. Sou assembleia desde que me conheço Por cristão, e no entanto quando participei do encontro com DEUS, eu pode perceber se tratar de uma excelente ferramenta para Ganhar almas e ensinar o caminho que nos leva a salvação, Talvez se olharmos para nós e vermos quantas almas levamos A Cristo, poderíamos nos esforçar mais para ganhar mais almas.

Ozeas rocha

Ao invés de ficar discutindo modelos etc, vão ganhar almas ao Senhor Jesus, ele está perto de voltar, deixe o julgamento para Jesus, quando ele voltar ele não vai perguntar que modelo etc, ele vai dizer quantas almas você ganhou, você vai ser servo bom ou não.Ou vai ter que ter carteirinha de membro da assembleia de Deus???. Hipócritas

Sérgio Luís

Pr.Ciro,a paz do Senhor. Texto claro e direto. Deus o abençoe. Li alguns dos comentários de nossos irmãos e fiquei assustado com que li,“descobri" por exemplo, que a igreja não pertence à CRISTO, e sim, àquele “pastor",que determinados “cultos" são mais importantes que a EBD e os cultos doutrinários. Infelizmente, também li que em uma de nossas igrejas(AD), é praticado o xamanismo. O Rei está voltando.

Deimerson de Jesus

A igreja em célula facilita o pastoreamento e possibilita de de forma mais eficiente relacionamentos profundos entre os membros. Graça e paz pastor.

Hélio

Pastor Ciro, Qual o método melhor que o senhor recomenda para ir atrás do sem-igrejas, por exemplo? Semelhantemente, sou contra o G-12, esses outros não conheço, mas se procedem da mesma raiz estou fora. Obrigado.

Ciro Sanches Zibordi

Sigrid Guimarães, quem ganha almas, de fato, é o Espírito Santo, quem convence o pecador (Jo 16.8-11), aplicando a verdadeira Palavra de Deus aos corações (Hb 4.1-12). Quanto ao que o irmão acha sobre a crítica a alguns tipos de liderança pragmáticos e utilitaristas, o Senhor Jesus pensa de modo muito diferente do irmão. Leia e estude Apocalipse 2-3. A paz do Senhor.

Ciro Sanches Zibordi

Caro Silomar, grato pelas palavras. Mas também lamento muito por ver que muitos líderes foram cooptados pelo MDA, um modelo igual ao G-12, na essência, cujo próprio fundador admitiu ter aprendido com o guru César Castellanos. Pelo que pesquisei, MDA é pragmático e utilitarista. Escrevi uma série de 10 artigos sobre o assunto no Blog do Ciro. Confira-o, se desehar. MDA não prega o autêntico Evangelho, e sim um evangelho de facilidades, que visa a atrair multidões incautas. A paz do Senhor.

Ciro Sanches Zibordi

Caro Davi Hebert de Andrade, quem conhece as dificuldades de todos os salvos é o Espírito Santo. A EBD é a melhor Escola de Bíblia desde o seu surgimento. Penso que juntar gente à base de pragmatismo e utilitarismo hedonista não é "ganhar almas para Jesus". Lembremo-nos de que a "porta é estreita" (Mt 7.13,14) e de que devemos pregar o que as pessoas PRECISAM ouvir, e não o que elas querem ouvir. Estou convencido de que o evangelho-show do MDA é pragmático e utilitarista. A paz do Senhor.

Sigrid Guimarães

Acho que seria bom se todos os cristãos se preocupassem em ganhar almas pra Jesus e nao o que os lideres andam fazendo ou não...

Davi Hebert de Andrade

Pastor Ciro Sanches Zibordi, você conhece as dificuldades de todos os membros da sua igreja? Ele acha que nos cultos, EBD ele irá suprir as necessidades da sua igreja? O MDA é uma ferramenta que tem a visão o amor e o cuidado. Então Jetro aconselhou Moisés a estabelecer líderes de mil, de cem, de cinquenta e de dez. O conselho de Jetro foi dado a Moisés cerca de 3500 anos atrás. Apesar de tão antigo, continua atual.

Davi Hebert de Andrade

Pastor Ciro Sanches Zibordi, você conhece as dificuldades de todos os membros da sua igreja? Ele acha que nos cultos, EBD ele irá suprir as necessidades da sua igreja? O MDA é uma ferramenta que tem a visão o amor e o cuidado. Então Jetro aconselhou Moisés a estabelecer líderes de mil, de cem, de cinquenta e de dez. O conselho de Jetro foi dado a Moisés cerca de 3500 anos atrás. Apesar de tão antigo, continua atual. Ele recomenda que o dirigente se concentre nas questões mais importantes e d

Silomar

Tenho grande apreço pelo Pr Ciro, mas lamento sua comparação do MDA com G12. Conheci esta visão em maio de 2014 no ELADES e desde então procuramos conhecer melhor e não encontrei nenhuma heresia. Neste final de semana tivemos um encontro com a participação de 86 encontristas e houve muitos milagres e 26 foram batizados com o Espírito Santo. E o mais glorioso no culto de domingo vários participantes testemunharam a mudança em suas vidas e pediram publicamente perdão para familiares.

Leandro Salles

Paz de Cristo a todos! Irmãos o Pastor Ciro está fazendo um alerta importante que não pode ser desprezado. Se o Senhor Jesus que é o maior lider e mestre de todos os tempos discipulou seus alunos de forma intensa por 3 anos e meio, e mesmo assim um deles o traiu e se matou. Portanto esses modelos de evangelismo antropocêntricos que acham o discipulado "nescau" ou seja, instantâneo será efetivo na vida do cristão, estão muito enganados. O resultado será de pessoas doentes, fracas e inconstantes!

Neto Raimundo

Criado em MDA, líder de célula, compreendi que esse modelo nada mas é que uma visão de homens do evangelho e não a visão de Deus. Graças a Deus conheci o evangelho da salvação em Cristo Jesus.

Jovens Tradicionais

Muito bem explanado tal Assunto. Que Deus em Cristo lhe abençoe Pr. Ciro Zibordi

Ciro Sanches Zibordi

Irmão Geziel, denunciar um modelo pragmático, utilitarista, que prega o que as pessoas querem ouvir, e não o que precisam ouvir não é falar mal dos irmãos. Se o irmão gosta de Bíblia, o que não é muito comum nesses "modelos", deve conhecer 2 Coríntios 11; 2 Pedro 2; Gálatas (toda a epístola); Apocalipse 2-3. Assim como Paulo (1 Co 11.1), tenho certeza de que "fui posto para defesa do evangelho" (Fp 1.16). E, por isso mesmo, estou orientando meus irmãos a permanecerem no verdadeiro Evangelho.

Pastor.Jorge Pimentel

Muito bom o esclarecimento,sobre esses movimentos neo pentecostal. Voltemos ao principio como tudo começou,desde a igreja primitiva.Os culto domésticos eram frequentes e havia ensino bíblico, seguido por muitos milagres ninais e maravilhas e princialmente a salvação das almas. Parabéns ao Pr. Ciro e a Cpad,sempre em defesa da Fé. Abraços!

Paulo Benites

Mudam se as coleiras mas os cachorros são sempre os mesmos

JESIEL RAMOS DE FREITAS

Tiago 4:11-15Almeida Revista e Corrigida 2009 (ARC) 11 Irmãos, não faleis mal uns dos outros. Quem fala mal de um irmão e julga a seu irmão fala mal da lei e julga a lei; e, se tu julgas a lei, já não és observador da lei, mas juiz. 12 Há só um Legislador e um Juiz, que pode salvar e destruir. Tu, porém, quem és, que julgas a outrem?

Jesiel

Não vejo nenhuma razão para falar mal de irmãos e nem contra estratégias de crescimento do reino de Deus. Está mais do que provado que o MDA Modelo Discipulado Apostólico é biblico e esta trazendo de volta muitos principios abandonados pelo clero, que aliás foi criado pelos catolicos e adaptado pela Igreja Evangélica do nosso Comentarista acima. O ensino biblico que temos no modelo MDA é muito mais intenso que apenas culto de doutrina e EBD. (Falo com segurança porque fui criado na AD.)

Eder

É a mesma conclusão que cheguei quando conheci o MDA, pra mim sempre foi um G12 melhorado, mas com as mesmas heresias embutidas. Infelizmente muitas igrejas estão aderindo a esse modelo e deixando de valorizar o ensino das Escrituras.

Jesiel

Não vejo nenhuma razão para falar mal de irmãos e nem contra estratégias de crescimento do reino de Deus. Está mais do que provado que o MDA Modelo Discipulado Apostólico é biblico e esta trazendo de volta muitos principios abandonados pelo clero, que aliás foi criado pelos catolicos e adaptado pela Igreja Evangélica do nosso Comentarista acima. O ensino biblico que temos no modelo MDA é muito mais intenso que apenas culto de doutrina e EBD. (Falo com segurança porque fui criado na AD.)

Jesiel

Não vejo nenhuma razão para falar mal de irmãos e nem contra estratégias de crescimento do reino de Deus. Está mais do que provado que o MDA Modelo Discipulado Apostólico é biblico e esta trazendo de volta muitos principios abandonados pelo clero, que aliás foi criado pelos catolicos e adaptado pela Igreja Evangélica do nosso Comentarista acima. O ensino biblico que temos no modelo MDA é muito mais intenso que apenas culto de doutrina e EBD. (Falo com segurança porque fui criado na AD.)

João

Gostaria de saber acerca do Pastor Aluizio A. Silva e da Igreja Videira de Goiania...

Tito Berry

Fiquei feliz ao ler a descrição exata do Discipulado que o irmão Ciro fez aqui. Só vou apontar algo que os brasileiros não gostariam de ler e ouvir, ainda menos de um argentino. Nunca chegeui a entender porque o que acontece aqui do lado vocês não conhecem, ou não divulgam. Exisste na Internet especialíssimos informes que contam que o discipulado no nosso século iniciou-se com o meu pastor Juan Carlos Ortíz na Argentina, e que o Castellanos o mercantilizou. Mas, por que a EBD seria melhor?

Newton Carpintero

É o mesmo DNA. Mais uma trombadinha.

Evandro Augusto

"Pois cada árvore é conhecida pelos seus próprios frutos" Lucas 6.44a Conheça os frutos da igreja do Pastor Abe Huber, veja os testemunhos da pessoas alcançadas. Converse com pessoas de lá e verá. Contra fatos não há argumentos. Quando falamos de algo que não conhecemos, ainda que com alguns argumentos, não temos autoridade. Agora, "ganhar, consolidar, edificar, treinar e enviar" por acaso é errado?

Pr Roberto

O que se pode chamar de herético, ler meramente um pequeno texto ou participar de alguns encontros de células para DSi tirar as conclusões, afinal de contas como bom assembleiano que sou tem Pastores conhecidos meus que convidam com frequência um sujeito que tira fígado e osso de galinha de pessoas em pleno culto assembleiano e ninguém chama isso de heresia, sabe porque? É que se é mod assembleiano é igual lei de farizeu mesmo que não seja verdadeira tem que ser.

Davi Oliveira

Felicíssima colocação Ciro, Deus abençoe.

pr. Walter Filho

Pela cor dos olhos e formato do queixo, dá pra perceber que o MDA e filho do G12. (risos)

Homero sarquis

Pr. Ciro, Concordo com o senhor no que diz respeito ao MDA ser irmão mais novo do G-12. Abomino o G-12 e discordo cem por cento do MDA onde todos na igreja do Pr. Abe são opbrigados a ter um discipulador para contar seus problemas espirituais - onde ele diz que todos precisamos orar uns pelos outros e ajudar uns aos outros nas fraquesas. Ele dá o exemplo se caso o Jimmy swaggart tivese um disciupulador onde ele pudesse dividir seus desejos sexuais qdo estavam no começo teria evitado sua que

Deixe seu comentário







Perfil

Ciro Sanches Zibordi é pastor, escritor, membro da Casa de Letras Emílio Conde e da Academia Evangélica de Letras do Brasil. Autor do best-seller “Erros que os pregadores devem evitar” e das obras “Mais erros que os pregadores devem evitar”, “Erros que os adoradores devem evitar”, “Evangelhos que Paulo jamais pregaria”, “Adolescentes S/A” e “Perguntas intrigantes que os jovens costumam fazer”, todos títulos da CPAD. É ainda co-autor da obra “Teologia Sistemática Pentecostal”, também da CPAD.

COLUNISTAS